quinta-feira, 1 de março de 2012

CAMPANHA CONTRA A IMPLANTAÇÃO DE USINAS NUCLEARES NO NORDESTE



O Brasil tem disponibilidade de luz solar e ventos em todos os dias do ano, rios, biomassa, biocombustíveis, marés e fontes geotérmicas suficientes para o atendimento de todas as suas necessidades energéticas. Todas estas fontes são seguras e podem ser cada vez mais ecológicas e de custos mais baixos, com disponibilidade descentralizada e com cada vez mais reduzida quantidade de emissão de carbono.

Qualquer país se tornaria superpotência tendo as condições que o Brasil tem sem precisar em nenhum momento ter que gastar fortunas para obter, beneficiar, acondicionar, armazenar e transportar urânio; construir e manter unidades de geração de energia nuclear e acondicionar e depositar lixo nuclear (nem no fundo do mar e nem no Raso da Catarina) ou em qualquer outro lugar do Nordeste do Brasil e do Mundo.

Não queremos Energia Nuclear nem para nossa geração, nem para as do futuro, pois nunca será totalmente segura e em casos de acidentes: MATA quem está próximo, torna regiões inteiras inabitáveis, pois causa graves danos à saúde de todos os seres vivos e contaminam todo planeta.

Mesmo gastando muito dinheiro, não há como descartar de forma segura o lixo nuclear, que se manterá radioativo por milhares de anos.

Faça parte desta luta pela continuação da vida no Planeta. Assine a lista de adesão a esta campanha no site www.agendha.org.br.

23 de fevereiro de 2012.

Junte-se a nós!

Assessoria e Gestão em Estudos da Natureza, Desenvolvimento Humano e Agroecologia (AGENDHA); Centro de Assessoria e Apoio aos Trabalhadores e Instituições Não Governamentais Alternativas (CAATINGA); Comissão Pastoral da Terra (CPT); Conselho Pastoral dos Pescadores do Nordeste (CPP NE); Conselho Pastoral dos Pescadores da Bahia (CPP/BA); Fórum Territorial de Itaparica PE/BA; GEDMA/FASETE; COMSEA/PA; CMDM/PA; Conselho Regional de Turismo - Região dos Lagos e Cânions do São Francisco (CRTur); Grupo Ambientalista da Bahia (GAMBÁ); Instituto Mata de Cipó; Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada (IRPAA); Instituto, Sociedade, População e Natureza (ISPN); Loja Maçônica Liberdade e Glória nº 4033; Loja Maçônica União do São Francisco nº 75; Mix Decorações Ltda; Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA/AL, SE); Movimento dos Trabalhadores sem Terra (MST/PE); Núcleo de Estudos em Povos e Comunidades Tradicionais e Ações Socioambientais (Nectas/UNEB); Organização para Conservação do Meio Ambiente (ECO); Prefeitura Municipal de Glória/BA; REPENSAR; Pólo Sindical do Submédio São Francisco - PE/BA; Associação dos Professores Licenciados da Bahia (APLB); Associação Comunitária de Artesanato de Malhada Grande (ACAMG); Associação das Mulheres Rurais do Sitio Macaúbas (AMRSM); Associação de Artesanatos do Sertão Pernambucano (AASP); Associação de Artesões de Paulo Afonso (AAPA); Associação de Artesões de Santa Brígida (AASB); Associação de Desenvolvimento Sustentável e Solidária da Região Sisaleira (APAEB); Associação de Moradores do Distrito Novo Horizonte (AMDH); Associação de Mulheres Artesãs Quilombolas Serra das Viúvas (AMAQUI); Associação de Reciclagem de Paulo Afonso (ARPA); Associação dos Artesãos de Santa Brígida/BA; Associação dos Artesões em Couro de Tilápia - Estação Cangaço; Associação dos Moradores e Agricultores do Sitio Correntinho (AMASC); Associação Quilombola de Conceição das Crioulas (AQCC); Associação Renascer de Produtos Artesanais de Doces do Municipio de Olho D'Agua do Casado Doces Casadenes; Carnauba Viva; Conselho Municipal de Meio Ambiente de Paulo Afonso/BA; Conselho Municipal de Segurança Alimentar de Paulo Afonso/BA; Cooperativa Agropecuaria Familiar de Canudos Uaua e Curaçá (COOPERCUC); Cooperativa de Produção da Região do Piemonte da Diamantina (COOPES); Cooperativa dos Criadores de Caprinos e Ovinos (COOPERCAPRI).

Nenhum comentário:

Postar um comentário